19 agosto, 2006

15 de Agosto

Hoje o dia começou prometendo muito. Depois de passar o final de semana sentindo muito mal-estar e várias contrações, a noite de sono foi ótima ( pra uma grávida, é claro !).

Logo de manhã, tinha consulta marcada com a acupunturista, mais uma tentiva de estimular o parto.
Planos iniciais : deixar o João na escola e ir de metrô. Só que mesmo antes de sair de casa, as contrações já apareceram e vi que a coisa ia ficar feia, só indo de carro mesmo. ( E aproveitei pra já colocar todas as malinhas dentro, quem sabe nem voltava pra casa ...)
Lá na consulta, cada agulha mais contrações, e mais e mais.

12:00 - Saí de lá e fui a Perinatal fazer uma cardiotocografia e checar como o Caio tava reagindo a toda essa movimentação. A médica já estava certa que o Caio chegaria naquele mesmo dia, nos despedimos até com um "até já, a gente volta a se ver daqui a pouco !!"

13:30 - No hospital, após os exames, o plantonista foi avisando que nem dava mais pra sair de lá, era internar e esperar. Até aquele momento as dores estavam controladas, tranquilas ...

15:00 - Já em momento descontrol de dor, implorando por umas drogas na veia ( a pessoa que eu mais queria ver na minha frente era a anestesista), descemos pro centro cirurgico com 5cm de dilatação. Depois da anestesia, tudo volta a ser cor-de-rosa ....

Durante os preparativos da equipe medica, no meio daquela agitação toda, comecei a sentir uma calma e uma paz enorme, o momento que esperamos tanto estava bem próximo.
Rezei muito e pedi que o Caio tivesse o melhor nascimento, uma ótima chegada. O papai também parecia estar muito calmo ali do meu lado.

A cada força que fazia, a pressão embaixo aumentava até a medica anunciar "agora é a última !! " Senti quando o Caio saiu, pequeno e cansado do esforço. Não chorou, ficou quietinho deitado sobre o meu peito enquanto o papai cortava o cordão umbilical.

A pediatra o levou pra examinar, aspirar, massagear, e só então ele chorou. Foram alguns minutos em que fiquei aterrorizada, imaginando que algo pudesse estar acontecendo, porque demorava tanto pra chorar ? Mas logo ele voltou, curioso, olhinhos abertos, nos olhando .... só chorávamos e agradecíamos a Deus mais essa benção.

Não consigo colocar em palavras o que senti naquele momento

A noite na meternidade não consegui dormir, mesmo muito cansada. O filminho de nossas vidas ficou passando diante dos meus olhos o tempo todo, desde o inicio, o nascimento do João, a gravidez do Caio e aquele longo dia.

Hoje foi o começo de uma nova época ...

6 comentários:

Chris, mãe da Cecília disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Chris, mãe da Cecília disse...

Ai meu Deus... apaguei a mensagem para acrescentar que amei as fotinhos e acabei perdendo tudo!!!
Bom, em primeiro lugar, mais uma vez, parabéns pelo príncipe!
Nossa, fiquei absolutamente emocionada com o seu relato, torcendo muito para que a chegada da Ciça também seja cor-de-rosa!
Ficam aqui nossos votos para que a vidinha dele, desde já, seja repleta de alegrias e conquistas, com muito amor e paz para enfrentar o dia-a-dia! Como todo bom leonino, tenho certeza de que ele vai reinar com muita facilidade!!!
Beijos grandes e, mais uma vez, parabéns pelo príncipe!!!

Theo disse...

Alê, parabéns, parabéns, parabéns!! Que teu novo príncipe te traga todas as alegrias do mundo!!! Felicidades mil pra vocês!!
beijos
Bárbara (LV Mothern)

Tadeu&Duda disse...

Ai amiga, é óbvio que estou aos prantos aqui no trabalho... que msg linda.. que relato maravilhoso, humano... vcs merecem tudo de bom... saúde, amor, harmonia, união.... tudo!! Estou muito feliz mesmo... Qq hora apareço.. Milhões de beijos.

Sissi

Dinha disse...

Certamente, é uma época de ainda mais felicidade e plenitude dessa família linda. Um grande beijo em vocês, e daqui segue o abracinho do meu Caio para o seu!

Claudia disse...

Oi Alessandra,
Que delícia de relato!! Finalizado pela foto linda ficou ainda mais emocionante. Que dia maravilhoso! Um beijão a todos